Castro

Adolescente se esconde em plantação para não ser morto em Castro

Um adolescente de 17 anos teve que se esconder em uma plantação para não ser assassinado na manhã de sábado (21) em Castro. Ele estava no Parque de Exposições Dário Macedo quando foi alvo de disparos de arma de fogo.

A ocorrência foi registrada às 7 horas. A vítima relatou aos policiais que, ao pedir um cigarro para dois homens que estavam em uma Chevrolet Montana, foi agredido com chutes. Em seguida, um dos indivíduos sacou um revólver e abriu fogo contra o adolescente.

Sem ser atingido, o menor fugiu para uma plantação próxima. De lá ele ligou para a Polícia Militar e relatou que estava sendo perseguido por dois homens armados.

A PM foi até o local e abordou os suspeitos. Perto deles os policiais encontraram uma pistola calibre .380 com cinco munições intactas e um revólver .38, carregado com seis munições, sendo uma delas deflagrada.

A dupla foi presa em flagrante e encaminhada à delegacia juntamente com as armas apreendidas. O adolescente não se feriu.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Citar a fonte ao copiar.
Fechar