Cidades

Madrugada do terror: Quadrilha invade Piraí do Sul, rouba banco e foge deixando pânico e destruição

A madrugada desta terça-feira (10) foi marcada por terror, explosões e muitos tiros em Piraí do Sul, nos Campos Gerais. Uma quadrilha fortemente armada quebrou a tranquilidade da pequena cidade durante assalto a uma agência do Sicredi. Não há registro de feridos.

Rajadas de tiros acordavam e causavam medo na população por volta das 3h40. Ao olhar pela janela, moradores viram a cidade invadida por homens que usavam armas de guerra. “Foram diversas ligações informando que em vários cruzamentos tinham indivíduos armados que efetuavam disparos”, informou a Polícia Militar.

De acordo com a PM, um carro foi incendiado em frente ao portão do destacamento evitando a saída das viaturas. Do lado de fora ainda havia um veículo com membros da quadrilha que atiravam para intimidar os policiais.

A região central do município, onde está localizado o banco, foi tomada pelo grupo. Quadras foram bloqueadas e quem tentasse passar pelo local era rendido e obrigado a voltar. Além disso, dispositivos conhecidos com ‘miguelitos’ – pregos para furar pneus- foram colocados em várias vias para retardar o atendimento das forças de segurança. A suspeita é de que mais de dez homens participaram da ação.

As portas de vidro da agência foram quebradas com tiros e o cofre aberto com dinamite. A quantia levada ainda não foi divulgada mas, segundo informações extraoficiais, o dinheiro esta dentro do valor segurado.

Os bandidos fugiram pela PR-090 em direção ao município de Ventania, deixando para trás capsulas de armamento pesado, marcas de tiros por toda a cidade e muito pânico. Uma Chevrolet Spin usada pelos bandidos foi abandonada na região conhecida como Alto da Serra.

A agência do Sicredi foi isolada e deve passar por perícia do Instituto de Criminalística. Desde o momento da ocorrência, as forças de segurança de toda a região fazem cercos e buscas na tentativa de localizar os autores do crime.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Citar a fonte ao copiar.
Fechar